terça-feira, 30 de novembro de 2010

RIO DE JANEIRO/RJ:PASTOR MARCOS PEREIRA FOI MEDIADOR DA OCUPAÇÃO

Pastor brasileiro da Assembléia de Deus dos Últimos Dias (Adud), Marcos Pereira mediou uma ocupação da polícia no Complexo do Alemão, no estado do Rio de Janeiro, neste domingo, dia 28.

http://4.bp.blogspot.com/_PQB8Vpn8huc/SOEVEwbho6I/AAAAAAAAAZw/j9UxOIpNd8k/s320/Marco+Feliciano+I+Festival+Gospel+Israel..JPG

Pr Marcos Pereira, famoso por mediações com bandidos, fala sobre o Complexo do Alemão: “Espaço tomado por algo satânico”

O Dia “D” para o Rio de Janeiro culminou na apreensão de 40 toneladas de maconha. Marcos Pereira que ganhou mídia ao mediar conflitos semelhantes entre policiais e bandidos, disse que enviou equipe ao morro. “O Governo teve atitude em tomar aquele espaço tomado por algo satânico,” disse o pastor. Segundo ele, apesar do Governo não considerar oficial a negociação de Marcos Pereira, a equipe da Adud esteve na madrugada no Complexo do Alemão. Alguns traficantes supostamente aceitaram o apelo e se renderam. Marcos Pereira disse que ficou não muito tempo no local para não ser acusado de oportunista pela mídia. Segundo ele o instituto está dando assistência no local através de voluntários e comemorou o não derramamento de sangue durante a ocupação. “Cocaína é droga. Algo espiritual. Material bélico, não. Autoridades competentes precisam impedir que isto cheguem às mãos dos traficantes,” declarou.

Fonte: Christian Today

SÃO GONÇALO/RJ


http://oglobo.globo.com/blogs/arquivos_upload/2010/08/240_358-br-traficante.jpg

O traficante Bruno Bezerra da Silva, de 28 anos, conhecido como BR, foi preso no bairro Porto da Pedra, em São Gonçalo (RJ), durante cumprimento a mandados de prisão expedidos pela Vara Criminal da cidade, pelos crimes de homicídio e tráfico de entorpecentes. Segundo a polícia, BR comandava o tráfico de drogas do Morro do Martins, em Niterói, e vinha sendo investigado havia cerca de três meses suspeito de fornecer drogas para traficantes do Morro do Santo Amaro, no bairro do Catete, na zona sul do Rio.

Os policiais também revelaram que BR era o traficante que receberia os sete fuzis M15 apreendidos, em março último, em Campo Grande, Mato Grosso do Sul, pela Polícia Rodoviária Federal. O armamento estava sendo trazido por pastores da Igreja Mundial do Poder de Deus. Ainda de acordo com as investigações, Bruno havia adquirido uma casa no Complexo do Alemão, onde passaria a residir ainda esta semana.

GRETCHEN É EVANGÉLICA E VAI CASAR-SE COM FILHO DE UM PASTOR

Prestes a se casar com filho de pastor, Gretchen afirma: “Sou convertida há 13 anos. Desta vez (14ª) o casamento é para sempre”
http://2.bp.blogspot.com/_r-ktdgc0U_U/TO76iKJ1gHI/AAAAAAAACtU/cXi7PTMddKw/s1600/O3qajZXdlodzS6D2.jpg

No começo de novembro, a assessoria de imprensa da cantora Gretchen enviava comunicado à imprensa avisando que ela iria se casar mais uma vez, no dia 15 de dezembro. A notícia chamava atenção pelo fato de Gretchen ter acabado de se separar – ela terminou seu casamento com Demmis Miranda em setembro desse ano -, e também por ela estar prestes a completar sua 14º união, a sexta no papel. Tudo bobagem segundo ela.

“As pessoas falam da separação, mas isso não foi de agora. Meu casamento já não vinha bem desde o início do ano, mas foi terminar em setembro. Sobre meus relacionamentos, as pessoas falam demais. A Luana Piovani, a Galisteu, namoram e casam tanto quanto eu, e ninguém fala nada. Acho que falam de mim porque dá ibope. Mas acredito no amor e quero ser feliz”, disse a cantora que agora está às voltas com os preparativos para a festa, e também com sua mudança de Recife para Goiânia, onde mora o noivo.

Para saber sobre o casamento, a mudança e muito mais, Gretchen concedeu uma entrevista ao site Ego. Confira!

Por que decidiu se casar novamente e tão rápido? Está apaixonada?

GRETCHEN: Não estou apaixonada, não. A paixão é uma coisa fugaz. O que existe entre a gente é amor. Além disso, eu conheci o Silvio na política, ele é filho de um pastor da igreja Assembléia de Deus, e foi ele quem me propôs o casamento. Ele foi muito claro e direto. Disse que gostava de mim, mas que era sério e não podia namorar se não tivesse um objetivo, que era formar uma família.

Essa objetividade não te assustou? Ou te encantou, pelo fato de ser um homem sério que sabe o que quer?

As duas coisas. Foi muito rápido e não esperava. Mas, por outro lado, ele me encantou pela coragem e determinação.

E a diferença de idade? Pesou entre vocês?

Na verdade, fui eu quem falou tudo isso para ele. Disse: tenho 51 anos e você 30. E ele: ‘não importa, diferença de idade não muda nada entre a gente’. Disse também: ‘Tenho cinco filhos para criar’. E ele: ‘Não importa, eu te ajudo a criar. Meu sonho sempre foi formar uma família, ser pai. Quero um casamento para sempre. Para mim, casamento é sagrado. Esse é o único impedimento para a gente ficar junto. Só se você não quiser casar.’ Não tive como dizer não, fiquei encantada com ele e acho que dessa vez é para sempre.

Você não ficou preocupada com o fato de ter terminado um casamento há pouco tempo?

Minha separação com o Demmis não foi de agora. O casamento já não vinha bem desde o início do ano. Nós já havíamos nos separado, voltamos, mas não deu certo. O ponto final é que veio agora, em setembro, mas a coisa já não vinha bem.

Seus filhos não se assustaram com o anúncio do novo casamento?

Não, eles sempre me apóiam. Meus filhos aceitam, apóiam e torcem por mim sempre.

Como está a correria com os preparativos para a cerimônia?

Está uma loucura. Por isso deixei tudo nas mãos de uma empresa que vai cuidar de todos os detalhes. Eles são profissionais e vão saber resolver tudo no menor tempo possível, em tempo recorde.

Teve alguma coisa que pediu, que fez questão que tivesse no seu casamento?

Pedi que fosse tradicionalmente romântica. Sou uma pessoa romântica.

Você está indo para o seu sexto casamento no papel, mas teve outros relacionamentos. No total foram quantos: 14?

Não existe isso. Quantas vezes a Galisteu namorou ou casou? Ou a Luana Piovani? Elas namoram e casam tanto quanto eu, e ninguém fala nada. Acho que falam de mim porque dá ibope. Mas acredito no amor e quero ser feliz.

Você disse que o Sílvio é filho de pastor, é evangélico. Você também vai se converter?

Eu já sou convertida há 13 anos.

Mas com essa aproximação por causa do seu noivo, pretende mudar algo no seu trabalho?

Por enquanto, estou trabalhando normalmente, não tem mudança nenhuma. Tenho alguns shows marcados, vou cumprir minha agenda e, num segundo momento vou ver como fica. Tudo vai depender do que vão querer.

Mas você vai continuar cantando as mesmas músicas, usando as mesmas roupas?

Já há algum tempo não uso mais saia, nem vestidinho. Uso um macacão colado, que é sensual, mas é uma coisa mais sutil. De bom gosto.

Fonte: Correio, Ego e Holofote

SALVADOR CONTINUA A 3a. MAIOR POPULAÇÃO DO BRASIL

http://3.bp.blogspot.com/_CVEUlw2AfaU/S7D-u6IFK3I/AAAAAAAAALs/YAKXBDqdM4Y/s1600/salvador.jpg
A capital baiana continua sendo a terceira mais populosa do Brasil, de acordo com os dados do Censo 2010, promovido pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), que divulgou os resultados finais nesta segunda-feira (29). A maior cidade do país continua sendo São Paulo, com 11.244.369 de habitantes, seguida do Rio de Janeiro, com 6.323.037 pessoas. Salvador vem logo atrás com 2.676.606 habitantes, seguida de perto por Brasília, onde vivem atualmente 2.562.963 cidadãos. Outras duas capitais nordestinas figuram no “top 10”. Fortaleza, na quinta colocação, com 2.447.409, e Recife, na oitava posição, com 1.536.934 moradores. Completam a lista das dez cidades mais populosas Belo Horizonte (2.375.444), Manaus (1.802.525), Curitiba (1.746.896), e Porto Alegre (1.409.939).

Censo: Brasil tem 190.732.694 habitantes
A população brasileira atingiu 190.732.694 pessoas em 2010, de acordo com os dados definitivos do Censo 2010, realizado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), cujo resultado foi divulgado nesta segunda-feira (29). O número supera em 12,33% o do Censo 2000, quando foram recenseadas 169,8 milhões de pessoas. O número ficou abaixo, porém, da projeção populacional de 2009, que estimava a existência de 191,5 milhões de habitantes. Do total da população, 48,96% são homens e 51,04%, mulheres – são 3,9 milhões de mulheres a mais do que homens. Os dados também mostraram o aumento da parcela da população que vive em áreas urbanas. Em 2010, elas representam 84,35% do total. Em 2000, eram 81,25%, e em 1970, apenas 55,94%.

SALVADOR/BAHIA

CORREDOR DA VITóRIA: VíTIMA DE TIROS ESCLARECE

Foto: Almiro Lopes/ Correio

Baleado após uma discussão na garagem do prédio Cecy, no Corredor da Vitória, no último sábado (27), o administrador João Vicente da Costa Oliveira, de 32 anos, deu mais informações sobre o episódio em entrevista à rádio Tudo FM (Programa Casimiro no Ar) nesta segunda-feira (29) à noite. João Vicente informou que participava de uma festa de 90 anos da sua avó, quando teve um desentendimento com o morador Maurício Franco Miranda por ter reclamado de cheiro de borracha em seu veículo. “Logo, o pai dele (Hélio Alves Miranda) já desceu atirando”, revelou. Ele foi alvejado com tiros na boca, no ombro e no braço. Segundo Oliveira, por pouco não aconteceu uma tragédia. “Meu sogro é delegado de polícia, mas na hora ele estava desarmado”, disse. O administrador informou ainda que quando os policiais chegaram, o apartamento de Maurício estava fechado. “Eles tiveram que estourar a porta e invadir o apartamento para prendê-lo”, contou, referindo-se ao agressor. “A esposa dele ainda tentou pegar a fita de vídeo da segurança do prédio para tentar dificultar as apurações. Só não conseguiu porque a síndica é uma pessoa amiga nossa e disse que não entregaria”, frisou João Vicente, que foi internado no Hospital Aliança, mas já recebeu alta.

domingo, 28 de novembro de 2010

CACHOEIRA/BAHIA


Ludmillah Anjos gravou seu primeiro DVD
na cidade da Cachoeira


Ao lado de Jota Veloso, Tom Gouveia e do grupo cachoeirano Gêge Nagô, a cantora Ludmillah Anjos gravou seu primeiro DVD, que tem o título “Minha Cara”. Além de músicas inéditas, o DVD reúne grandes sucessos que marcaram sua trajetória de cantora. O show ocorreu no dia 27/10/2010, às 20h, no Teatro do Centro de Artes da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB), em Cachoeira.
Ludmillah Anjos de Souza, ou simplesmente Ludmillah, jovem guerreira da periferia de Salvador, trouxe consigo um talento surpreendente. Aos seis anos de idade, teve sua vida marcada pela canção. Começou participando de eventos musicais em sua comunidade e, aos 12 anos, iniciou sua trajetória com o movimento cultural chamado “Eu quero é provas”. Foi com esse movimento que embalou Ludmillah para a carreira artística. Não se resumindo apenas a música, outros talentos ainda foram descobertos, como o teatro e a dança, por exemplo. A Europa também foi palco das suas apresentações e carisma, com o espetáculo “Ginga Nilé Bahia”. Mas foi em território nacional que ela se firmou, se apresentando no Teatro Yemanjá, no Centro de Convenções, através da “Brasilis Dançantes”, um projeto da Fundação Cultural. A pequena de sorriso intenso e espontâneo, também participou das comemorações dos 60 anos da Construtora Odebrecht, cantando o Hino da África, juntamente com o grupo étnico musical Vozes Reveladas e maestria de Sérgio Souto e Gilberto Gil. Seu talento ainda foi aclamado pelo Presidente do Brasil, Luiz Inácio Lula da Silva, no Fórum Mundial de Turismo, sediado no Teatro Castro Alves, em Salvador. Além disso, foi convidada por Monica Millet e Sérgio Souto a participar de um evento com repercussão mundial, conhecido como Percpan ou Encontro Mundial Percussivo. Esse evento ajudou Ludmillah a levantar grandes vôos como, por exemplo, a se tornar uma das grandes revelações do programa Ídolos, no Sistema Brasileiro de Televisão - SBT. Foi aí que ela conseguiu mostrar seu talento para todo o Brasil. Hoje, com 25 anos de idade, é dona de um olhar expressivo que derrete qualquer coração. Uma mulher que respeita a diversidade cultural e musical brasileira inserindo, assim, em seu repertório, o que há de melhor do Pop, Black Music, MPB, Afoxé, Samba e Samba-Reggae.
O DVD, com direção de Lucas Reis, Micaela Brandão e Larissa Oliveira, fez parte do projeto interdisciplinar dos alunos do curso de Cinema e Audiovisual da UFRB, com a orientação dos professores Guilherme Maia e Ayrson Heráclito.


Sociedade local presente ao show
Conforme anunciado, repetidas vezes, pelo locutor oficial do cerimonial do evento e por vinhetas no telão do Teatro do CAHL/UFRB, empresários locais integraram a estrutura de patrocínio do espetáculo e muitos compareceram para ouvir a jovem cantora, como o casal proprietário do Restaurante Beira Rio, Augusto Duarte e a Profa. Zenaide Gomes, o Prof. Pedro Borges dos Anjos, editor-chefe do Jornal O Guarany e diretor do Polycenter, Profa. Indira Carla dos Anjos, empresária líder do Salão de Beleza Indira Carla, e muitos outros.


GOVERNO DA BAHIA: SECRETARIA DA CULTURA

Encontro com o Escritor vira livro

Projeto iniciado nas bibliotecas públicas, em 2002, homenageia escritores participantes com publicação

Os autores que participaram do Encontro com o Escritor, um projeto da Diretoria de Bibliotecas Públicas (DIBIP) da Fundação Pedro Calmon/Secult, ganharão mais uma homenagem com a publicação de um livro que leva o nome do projeto. O lançamento ocorrerá no dia 29 de novembro, a partir das 14h30, junto aos Seminários Novas Letras, realizado pelo Núcleo do Livro, Leitura e Literatura – NLLL, no auditório da Biblioteca Pública do Estado da Bahia (Barris). O livro Encontro com o Escritor 2002-2009 reúne 55 autores que estiveram nas bibliotecas durante esse período, em encontros literários para falarem de suas obras e de seus processos criativos.

Os leitores encontrarão no livro nomes como: Aleilton Fonseca, Antonio Barreto, Antônio Cedraz, Aramis Ribeiro Costa, Betty Coelho, Carlos Ribeiro, Evelina Hoisel, Gláucia Lemos, Guido Guerra, Hélio Pólvora, Luís Henrique Dias Tavares, Lúcia Santóri-Carneiro, Mãe Stella de Oxossi, Myriam Fraga, Orlando Senna, Ubiratan Castro de Araujo, Valdomiro Santana, entre dezenas de outros.

“O ‘Encontro com o Escritor’ é um dos projetos mais importantes da grade de programação da Diretoria de Bibliotecas Públicas do Estado da Bahia. A publicação desse livro com textos dos autores que foram homenageados é mais uma ação do projeto no intuito de valorização e divulgar a literatura baiana”, destaca Kilma Alves, diretora da DIBIP.

O objetivo principal do Projeto Encontro com o Escritor é divulgar a produção dos escritores baianos e aproximá-los dos freqüentadores assíduos das bibliotecas públicas. Através de palestras, bate-papo ou leitura pública de textos literários, os autores apresentam sua arte, revelam muito de sua formação e processo criativo e, por fim, dialogam com o público presente.

O diretor da Fundação Pedro Calmon, Ubiratan Castro de Araújo, afirma que as bibliotecas, que se caracterizam por “guardar” o conhecimento, transformam-se então em meio de propagação da arte e da cultura contemporâneas, bem como divulgadoras da literatura e promotoras da interação do leitor com o escritor. “Somos educados a admirar os escritores mortos, inacessíveis e que ou conhecemos parcialmente ― pela sua arte ― ou “de segunda leitura”, pela opinião alheia de críticos e biógrafos. Portanto, é em projetos como este que o leitor “aproveita” o escritor e constrói sua própria opinião”, justifica Ubiratan Castro no prefácio da obra.

Nova publicação – Os escritores que participaram do projeto em 2010 e os que participaram nos anos seguintes, deverão fazer parte de uma nova publicação nos próximos anos, com data ainda a ser confirmada. Os encontros são realizados na Biblioteca Pública do Estado da Bahia (Barris), Biblioteca Infantil Monteiro Lobato (Nazaré), Biblioteca Pública Thales de Azevedo (Costa Azul), Biblioteca Anísio Teixeira (Ladeira de São Bento), Biblioteca Juracy Magalhães Júnior (Rio Vermelho), todas em Salvador. Também recebem o projeto, a Biblioteca Juracy Magalhães Júnior em Itaparica, a Casa Afrânio Peixoto em Lençóis e a Biblioteca de Extensão, que circula bairros e cidades com o carro-biblioteca.

SEMINÁRIO NOVAS LETRAS

Programação:

O evento iniciará com as palestras:

· Luiz Gama e a construção do destino, com Myriam Fraga;

· Boca e papel: espaços de fricções da palavra poética, com Edilene Matos;

· Cruz e Sousa: uma poesia sem cor?, com Florentina Silva

Logo após:

Recital de poesias com José Carlos Limeira;

Lançamento do livro Encontro com o Escritor,

SERVIÇO:

O quê: Lançamento do livro - Encontro com o Escritor 2002-2009 – Seminário Novas Letras

Quando: Dia 29 de novembro (segunda-feira), a partir das 14h30

Onde: No Auditório da Biblioteca Pública do Estado da Bahia - Rua General Labatut s/n, Barris.

Entrada Gratuita

Assessoria de Comunicação

FPC - Fundação Pedro Calmon/SecultBA

(71) 3116-6918 / 6919

ascom@fpc.ba.gov.br

www.fpc.ba.gov.br

www.cultura.ba.gov.br

http://plugcultura.wordpress.com

SEMANA DA CONSCIÊNCIA NEGRA & IGREJAS EVANGÉLICAS

Igrejas Evangélicas agregam o maior número de negros do Brasil


http://api.ning.com/files/RksleMjtWtL55yXeWB3jo3cxOwLeB*oWzFHZrj731Kdd-HxFsOx-q1QNNLQtS0Ls*phskXEeCMfN3p7ndheQedkiWsDA86xr/so_ctrls_salva.jpg

A semana da consciência negra marca um momento de profunda reflexão para a religião que agrega o maior número de negros do Brasil: as Igrejas Evangélicas Pentecostais.

Segundo dados recentes do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), existem 11.951.347 negros evangélicos. Desses, 8.676.997 (72,6%) são pentecostais, enquanto a população negra de umbandistas e candomblecistas não alcança 253 mil pessoas.

Não se pode afirmar que outras igrejas cristãs, além das pentecostais, não têm negros em suas comunidades de fé. A Igreja Católica Romana, é claro, tem o maior número de negros no país, com mais de 55 milhões de afro-descendentes. Entretanto, a maioria dos que professam o catolicismo não freqüenta ativamente a igreja, ao contrário do que acontece com os pertencentes às igrejas evangélicas, que participam de forma efetiva de suas comunidades locais.

Para Marco Davi de Oliveira, autor do livro “A Religião Mais Negra do Brasil”, cristãos negros precisam corrigir concepções preconceituosas sobre as próprias origens. “Creio que muitos evangélicos precisam também aprender a não demonizar a cultura e o jeito de ser negro. Sim, porque a cultura nem sempre é diabólica como acreditam alguns”, explica o pesquisador.

O acompanhamento de dados estatísticos da década de 70 até agora, mostra a grande adesão das comunidades negras ao pentecostalismo. Diferente do primeiro contato com o cristianismo (católico), durante o Brasil colônia e Império, quando os africanos eram forçados à “conversão” e ao batismo; os negros brasileiros experimentam hoje uma perspectiva diferente. Milhares tiveram a oportunidade de conhecer e aceitar Jesus de livre e espontânea vontade e de contribuir para o crescimento do segmento evangélico que mais cresce em nosso país: o pentecostalismo.

RECIFE/PERNAMBUCO


Bispo da Igreja Universal foi assassinado por engano

http://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/f/ff/Catedral_da_Igreja_Universal_do_Reino_de_Deus.jpg

O bispo-auxiliar da Igreja Universal do Reino de Deus (Iurd) José Carlos de Santana, 48 anos, assassinado no último dia 25 de outubro, foi morto por engano. O alvo era um presidiário em regime semiaberto que havia comandado o tráfico na região onde ocorreu o crime. A conclusão foi da delegada Josineide Confessor, da 2ª Delegacia do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP). Ontem pela manhã, ela prendeu duas pessoas envolvidas no crime, que aconteceu na Estrada do Barbalho, Iputinga, Zona Oeste do Recife. Durante as buscas, os policiais encontraram outro homem, que estava com drogas e armas. Dois homens, um deles apontado como o autor dos tiros, permanecem foragidos.

Para prender os suspeitos, foi montada a Operação Universal, que contou com 30 policiais (20 civis e 10 militares). Por volta das 5h de ontem, os agentes entraram na comunidade do Detran, na Iputinga, e inicialmente capturaram Eti Paula Bernardo da Silva, 25, conhecida como Paulão e apontada como líder do grupo, e Aílton Xavier da Silva, 19, conhecido como Cara de Burro. Em seguida, prenderam o cadeirante Wellington Henrique Ferreira, 29, com dois revólveres calibre 38, 100 gramas de maconha e 50 gramas de crack. As armas serão submetidas a perícia balística.Wellington foi encontrado no local onde a polícia procurava Robson da Silva Costa, 20, que, segundo a polícia, atirou contra o carro onde estavam o bispo José Carlos e o pastor da Iurd Joel Nunes, 46. O outro foragido é Tiago Bernardo da Silva, 19, conhecido como Tiaguinho Bodão. A polícia solicitou a divulgação das fotos dos suspeitos. Quem tiver informações sobre os dois deve ligar para o DHPP: (81) 3184-3550. Segundo Josineide Confessor, o grupo assumiu o comando do tráfico na comunidade do Detran depois que Carlos Adriano Leite da Silva foi preso na Penitenciária Agroindustrial São João. Como o detento goza do regime semiaberto, o grupo temia que ele voltasse a agir na região e resolveu matá-lo. “Eles sabiam que Carlos Adriano andava em um carro preto e prepararam uma tocaia na Estrada do Barbalho. Eti Paula e Aílton ficavam de bicicleta tentando identificá-lo e Robson e Tiago ficavam de moto”, explicou a delegada.

OUTRO CRIME – Dois dias antes do assassinato do bispo, o grupo havia atirado contra o veículo de Carlos Adriano, um Celta, ferindo um vendedor de bolos da comunidade. No dia 25, quando o bispo e o pastor foram ao Detran para renovar a carteira de habilitação do primeiro, com um Gol preto, de placa DAL-4990, da Iurd, os bandidos confundiram os veículos e dispararam duas vezes. Um tiro atingiu José Carlos na nuca. “Houve muitas testemunhas, mas como o grupo impõe medo na comunidade, tivemos dificuldades de consolidar as investigações”, afirmou Josineide Confessor.

O grupo estaria envolvido ainda no assassinato de Jaciara Elias Pinheiro do Nascimento, que estava grávida e era irmã de um suposto amante da mulher de Robson. O crime ocorreu no último dia 25 de agosto. “Eles foram perguntar sobre o paradeiro do irmão, ela se negou a dizer e levou três tiros”, contou a delegada.

sexta-feira, 26 de novembro de 2010

CACHOEIRA/BAHIA

Representação pede reparação a danos causados ao terreiro Roça do Ventura

Fonte: Portal do Jornalista Prof. Emiliano José

Uma representação pela preservação do patrimônio do terreiro Seja Hundé, também conhecido como Roça do Ventura, situado em Cachoeira (BA), foi entregue (dia 25) durante reunião no Ministério Público Federal na Bahia, em Salvador. Fundado em 1854, sendo o único representante no país da nação Jeje Mahin, o templo teve 10 hectares de sua mata destruídos por um trator.

Segundo o presidente da Associação Brasileira de Preservação da Cultura Afro-ameríndia (Afa), Leonel Monteiro, “arvores sagradas centenárias foram destruídas e uma lagoa de Nanã foi aterrada, causando danos irreversíveis ao sítio arqueológico, decorrentes de uma obra imobiliária que está sendo realizada na área contígua ao terreiro”. O documento apresentado pede intervenção do ato e reparação dos danos causados.

Para o jornalista e ex-deputado federal Emiliano José (PT-BA), presente à reunião, “é essencial que os Ministérios Públicos Federal e Estadual intervenham nesse caso, que atinge um terreiro centenário e muito tradicional na nossa cultura”. “Precisamos eliminar de vez essa repressão contra a religião de matriz africana, que é um desrespeito profundo. Para isso, vamos unir esforços da sociedade e do governo”.

Também participaram do encontro o promotor-chefe do MP Federal na Bahia, Danilo Pinheiro Dias; a promotora Márcia Virgens, do Núcleo de Proteção do Direitos Humanos do MP estadual; o antropólogo e professor Ordep Serra; o coordenador administrativo do Núcleo de Religiões de Matriz Africana da Polícia Militar da Bahia (Nafro), Raimundo Souza; além de representantes do meio acadêmico e pessoas vinculadas a movimentos em defesa do cultura afrodescendente.

quinta-feira, 25 de novembro de 2010

CACHOEIRA/BAHIA


Rotary Clube Cachoeira/São Félix realiza solenidade para homenagear segmentos empresariais das duas comunidades apontadas em pesquisa de opinião

Em parceria e com dados da pesquisa realizada pela Staff Junior, composta por acadêmicos do curso da Faculdade Adventista de Administração do IAENE, o Rotary Clube Cachoeira/São Félix reuniu empresários, professores, membros da comunidade, na solenidade realizada no Salão Nobre da Câmara Municipal, nesta sexta-feira (25) às 20h, com a qual conferiu certificação e troféus à Empresas que mais se destacam na preferência do público consumidor nas comunidades de São Félix e Cachoeira.

Entre as empresas homenageadas da praça da cidade da Cachoeira, a Reportagem do Jornal O Guarany registrou o Hotel Pousada Convento do Carmo, o Restaurante Maktub, a Farmácia Cordeiro, o Supermercado Pereira, e, da praça da cidade de São Félix, a Pousada Paraguaçu e a Farmácia Deus Menino.

O cerimonial, a cargo de integrantes da Empresa Staff Júnior, sucedeu ao cerimonial do Rotary sob a presidência do Prof. Pedro Borges dos Anjos. O Prof. Valdir Santos, secretário do Rotary e diretor da Faculdade Adventista de Administração do IAENE, discursou traçando o perfil do Rotary Internacional, revelando dados sobre ações de reparação social que a Instituição vem materializando no mundo, com recursos próprios, com que vem eliminado a fome em segmentos abaixo da linha de pobreza em países do terceiro mundo, custeando integralmente o combate à poliomielite, com estatística de extinção em quase todos os países do mundo. Na seqüência, discursou o empresário Walmir Mascarenhas, proprietário das Farmácias Nossa Senhora do Rosário, destacando a importância do segmento empresarial em ser pontuado pelo público consumidor, o que permite ao empresário de quaisquer ramos a corrigir imperfeições que impedem o crescimento de seus empreendimentos. Discursou também, o rotariano José Aloísio Santana, sobre o Projeto do Rotary Clube Cachoeira/São Félix, denominado “Ruína Zero” formalizando a entrega de um exemplar do mencionado Projeto, ao presidente do Poder Legislativo cachoeirano, através da vereadora Maria Lúcia Costa Santos, presente na solenidade.

A Mesa de Honra, tendo à frente o presidente do Rotary, o Prof. Pedro Borges dos Anjos, foi formada pelos rotarianos integrantes do Conselho Diretor da Instituição, o militar-reformado Válter Amorim Muniz, o empresário Alvaro Valdy Borges, a empresária Úrsula Maria Miranda dos Santos Simões de Freitas, o contabilista Celso Alves de Jesus, o Prof. Valdir José Santos, o Pastor Orlando Ferreira, vice-presidente, o Engenheiro José Aloísio de Santana, diretor do patrimônio, o vereador Evaldo Batista, da cidade São Félix,

O cerimonial destacou as presenças no Salão Nobre da Câmara, do empresário Augusto Duarte, proprietário do Restaurante Beira Rio, do empresário Israel Souza, proprietário da Pousada Paraguaçu, em São Félix, do bacharel em Direito Cláudio dos Anjos, integrante do Escritório de Advocacia do Dr. Nélson Aragão Filho, do vereador Júlio César da Costa Sampaio e da vereadora Maria Lúcia Costa Santos, esta representando o presidente da Câmara, vereador Carlos Pereira.

Encerrada a solenidade, os convidados foram recepcionados com um coquetel no salão de recepções da Câmara Municipal.

quarta-feira, 24 de novembro de 2010

CACHOEIRA/BAHIA




Homenagens a Damário Dacruz

Cachoeira sediará lançamento do livro Bem que te avisei, de Damário Dacruz, e seminário sobre sua produção poética

“Não desejo luxúrias, nem futilidades. Desejo continuar acertando sempre e em prol de todo/Preciso sair dessa fase sem progressos e de dificuldades. Preciso obter os frutos de toda uma luta anterior e realizar novas sementes”. Damário Dacruz, o poeta que conquistou admiradores com seus textos críticos e anticapitalistas, com suas palavras duras, mas verdadeiras para serem lidas e ouvidas, ainda continua arriscando, vivo e presente em forma de novos versos poéticos.

A Fundação Pedro Calmon/SecultBA promoverá, através do Núcleo do Livro, Leitura e Literatura, no dia 03 de dezembro (sexta-feira), às 14h30, em Cachoeira, mais uma edição dos Seminários Novas Letras com o tema Damário Dacruz: o bardo do Recôncavo. O evento acontecerá no Pouso da Palavra, espaço cultural criado pelo poeta, e contará com a participação de leitores, poetas, estudantes, além dos admiradores da sua produção poética. Na programação gratuita haverá recitais de poesias e performances, além de palestras com os temas: Damário: entre a cruz e a poesia, ministrado por , Signos e Imagens no discurso poético de Damário Da Cruz – uma leitura semiológica da poesia de Damário Dacruz, por Maria Cristina V. Rodrigues.

O evento tem como objetivo lançar o livro Bem que te avisei, publicação póstuma em homenagem ao poeta falecido em maio deste ano. A idéia de divulgação, através de um livro, dos poemas inéditos de Damário surgiu da viúva, Graça Cruz, que resolveu levar aos leitores novos versos deixados pelo autor. “O lançamento desse livro surgiu em respeito à lembrança de Damário. Esse é um momento que precisa ser aproveitado pelas pessoas que o admiravam e para não deixar a memória dele morrer”, explica Graça. A publicação de Bem que te avisei é fruto da parceria entre a Fundação Pedro Calmon/Secult e a UEFS Editora, da Universidade Estadual de Feira de Santana, por meio da coleção Memória da Literatura Baiana.

Damário da Cruz - poeta, fotógrafo e jornalista, nasceu em Salvador, mas escolheu a cidade de Cachoeira, no Recôncavo baiano, onde morou até a sua morte, em 21 de maio de 2010, vítima de câncer. Publicou três livros de poesia, dentre eles O Segredo das Pipas (2003) e cerca de 30 posters-poemas com mais de 100 mil exemplares vendidos. Entre suas obras mais conhecidas está o poema Todo risco, cujo verso inicial é: “a possibilidade de arriscar é que nos faz homens”.

Serviço:

O que: Seminários Novas Letras Damário Dacruz: o bardo do Recôncavo

Onde: Espaço Cultural Pouso da Palavra em Cachoeira

Quando: Dia 03 de dezembro (sexta-feira), às 14h30

O Seminário é gratuito. O livro será vendido no local por R$20,00 (vinte reais)

Assessoria de Comunicação

FPC - Fundação Pedro Calmon - SecultBA

(71) 3116-6918 / 6919

ascom@fpc.ba.gov.br / www.fpc.ba.gov.br