segunda-feira, 27 de julho de 2015

'Templo Satânico' apresenta escultura de ídolo pagão e gera polêmica nos EUA


AP
A estátua foi apresentada em uma cerimônia particular no sábado, em Detroit

O corpo é de um homem musculoso, cabeça e patas de um bode com barba e chifres, tem grandes asas, exibe um pentagrama na testa e o que parece com um bastão de Esculápio à frente do abdome, um antigo símbolo associado ao deus grego de mesmo nome e à Medicina.
Esta é uma estátua do ídolo pagão Baphomet (ou Bafomé) que o grupo religioso Templo Satânico inaugurou em Detroit, nos Estados Unidos. Além de todos estes símbolos e representações, a estátua também aponta dois dedos para o céu e está cercada por um menino e uma menina.
No website dos organizadores do evento, a inauguração da estátua - ocorrida no último sábado - foi anunciada como uma "noite de caos, ruído e libertinagem" onde apenas maiores de 18 anos poderiam entrar.
"Venha dançar com o diabo e viver a História enquanto ela é escrita", continuava o convite.
A escultura apresentada pelo Templo Satânico é de bronze e pesa uma tonelada e meia. Tem 2,59 metros de altura e foi inaugurada em um edifício industrial perto do rio Detroit, pouco antes das 11h30 da noite. O local exato da inauguração só foi informado para os participantes por email poucas horas antes do evento e a estátua não pôde ser vista pelo público em geral.
Os organizadores afirmam que apresentaram a estátua desta forma, em segredo, para "reduzir a perseguição", de acordo com declaração de um dos fundadores da organização, Lucien Greaves.

Por perseguição, Greaves se referia a cerca de 50 pessoas que protestaram do lado de fora do restaurante no qual, inicialmente, o Templo Satânico pretendia mostrar a estátua pela primeira vez.



AP
Além da cabeça e patas de bode, tem o corpo de um homem e está rodeado por crianças

Mas, o plano teve que ser cancelado pois o dono do restaurante, Bert Dearing, desistiu de realizar o evento.
"Detroit é uma área muito religiosa. Quando aluguei este lugar acreditei que se tratava de uma igreja. Não sabia da apresentação da estátua. Não sabíamos que eram adoradores do diabo", disse Dearing.
Dearing também mandou celebrar missas contra Baphomet, como a celebrada no sábado em uma das igrejas católicas da cidade, a de Saint Joseph, a mais popular do Estado americano de Michigan.
"A última coisa que precisamos em Detroit é de uma festa de boas vindas para o diabo", disse a jornalistas Dave Bullock, pastor da igreja batista de St. Matthew, em Highland Park, uma cidade da área metropolitana de Detroit.

'Um rebelde'




AP
Foi organizado um protesto contra a inauguração da estátua

A organização Templo Satânico, com matriz em Nova York e representação em vários pontos dos Estados Unidos, reivindica para si Satã, mas não o considera um ser diabólico.
Segundo a explicação no site da organização, Satã é entendido pelos membros como "símbolo da natureza inerente do homem, a representação do eterno rebelde, da liberdade individual, mais que uma deidade ou um ser sobrenatural".
Para o grupo, os satanistas devem "trabalhar muito para afiar o pensamento crítico e exercitar o questionamento razoável de todas as coisas".
"A missão do Templo Satânico é encorajar a benevolência e a empatia entre as pessoas. Além disso, abraçamos o sentido comum e o sentido da justiça".

Por isso, eles alegam no website que a escultura é um "chamado às armas com que terá início nossa maior luta em nome da liberdade individual, do livre exercício e contra os teocratas egoístas".



AP
Também foram celebradas missas contra a iniciativa do Templo Satânico

E, em sintonia com estes discurso, a intenção dos organizadores é levar Baphomet ao Estado do Arkansas, cujo governador, o republicano Asa Hutchinson, firmou em abril um projeto de lei que autorizaria a construção de um monumento aos Dez Mandamentos nos terrenos do Congresso do Estado.

Oklahoma

O Templo Satânico já havia tentado colocar a escultura em um jardim perto do Congresso do Estado de Oklahoma, perto do obelisco dos Dez Mandamentos, instalado no lugar em 2012 apesar das dúvidas sobre a constitucionalidade do monumento.
O obelisco dos Dez Mandamentos é dedicado, como se pode imaginar, ao conjunto de princípios éticos e de adoração que têm um papel importante no judaísmo e cristianismo e foi financiado pelo republicano Mike Ritze, membro da Câmara Baixa do Congresso estadual.



AP
A Suprema Corte de Oklahoma concluiu que a estátua dos Dez Mandamentos, colocada em terreno público, viola a Constituição do Estado

Para evitar conflitos relativos à separação da Igreja e do Estado ao colocar tal monumento em uma propriedade pública, o batizaram de parque monumental.
Mas agora, depois de anos de polêmica e batalhas legais, no dia 30 de junho a Suprema Corte de Justiça de Oklahoma concluiu que a peça viola a Constituição do Estado que proíbe a utilização de propriedades do governo em benefício de uma religião.
Diante disto, vários legisladores estaduais ameaçaram tentar a destituição dos juízes da Suprema Corte de Oklahoma e se comprometeram a apoiar mudanças na Constituição do Estado.
A governadora republicana do Estado, Maria Fallin, anunciou que vai manter o monumento no lugar até que o Estado entre com um recurso contra a decisão da Suprema Corte.
Enquanto isso, mesmo que Baphomet não tenha sido colocado em lugar público, o Templo Satânico comemorou sua inauguração com gritos "viva Satã".
"É um triunfo artístico único, um testamento da pluralidade e do poder da ação coletiva", informou o grupo em seu site.

Lorde britânico é flagrado consumindo cocaína com prostituta

LONDRES, 27 JUL (ANSA) - O político britânico John Sewell, 69 anos, um dos mais famosos parlamentares britânicos, corre o risco de ser expulso da Câmara dos Lordes - a mais alta do Parlamento - após aparecer em um vídeo cheirando cocaína em um quarto ao lado de duas prostitutas. As imagens foram divulgadas neste final de semana pelo tablóide "The Sun" e mostram ainda Sewell fazendo comentários embaraçosos sobre o primeiro-ministro britânico, David Cameron, a quem chamou de "premier mais superficial da história" e ao ex-premier Tony Blair - do qual chegou a ser ministro - destacando que "ele decidiu entrar na guerra contra o Iraque porque se apaixonou por George Bush".   

Ontem (26), após a divulgação, o lorde renunciou ao cargo de vice-presidente da Câmara britânica, mas por se recusar a renunciar ao posto, pode ser o primeiro parlamentar expulso da história da Grã-Bretanha.   

Isso porque uma nova legislação sobre o comportamento das figuras públicas foi aprovada há duas semanas e prevê a exclusão daqueles "que não se comportarem com honra" na vida pessoal.   

Segundo o jornal "The Independent", essa medida poderá demorar até um ano para ser realizada após a abertura de um procedimento de investigação.   

A porta-voz da Câmara, Frances D'Souza, afirmou que "as imagens são desconcertantes e inaceitáveis". Já o Partido Trabalhista, ao qual Sewell é filiado, reprovou as acusações contra Cameron.   

Fonte: (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.
Leia mais em: http://zip.net/brrHF4

Em SP, Cunha diz que 'covardia não faz parte de seu vocabulário'

  • Renato S. Cerqueira/Futura Press/Estadão Conteúdo
    Eduardo Cunha (PMDB-RJ), presidente da Câmara dos Deputados, em almoço-debate promovido pelo Lide, em São Paulo
    Eduardo Cunha (PMDB-RJ), presidente da Câmara dos Deputados, em almoço-debate promovido pelo Lide, em São Paulo
O presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), se colocou à disposição para responder a qualquer pergunta em almoço com líderes empresariais em São Paulo. Cunha demonstrou confiança e disse, sem citar a Lava Jato, que não se intimidará por "acusações falsas". "A história não reserva lugar aos covardes. Covardia não faz parte do meu vocabulário", disse.
Ele é acusado pelo empresário Julio Camargo de lhe pedir pessoalmente o pagamento de US$ 5 milhões em propina durante um encontro que, segundo o delator, eles tiveram no Rio de Janeiro com a presença de Fernando Baiano.
Fazendo uma análise aos empresários, Cunha recapitulou sua crise com o governo e disse que "sem hegemonia eleitoral não se consegue hegemonia política". Sobre o resultado das eleições de 2014, com uma margem de diferença pequena entre Dilma Rousseff (PT) e Aécio Neves (PSDB), o peemedebista disse que o resultado apertado, que não garantiu a hegemonia ao governo, apenas "foi uma vitória", sem ter trazido hegemonia.
Cunha acusou ainda o governo de "estimular a criação de partidos artificiais para tumultuar", em referência ao apoio de setores do governo à recriação do PL com o auxílio do ministro das Cidades, Gilberto Kassab (PSD).
Ele disse que o governo também precisa dizer onde quer chegar e negou ser candidato a algum posto nas eleições de 2016 ou 2018. (Com Estadão Conteúdo)
Leia mais em: http://zip.net/brrHFW

Silvio Santos visita Edir Macedo no Templo de Salomão


  • Reprodução/Instagram/cristianecardosooficial
    Cristiane Cardoso registrou a visita de Silvio Santos ao Templo de Salomão com selfie
    Cristiane Cardoso registrou a visita de Silvio Santos ao Templo de Salomão com selfie
Terminou há poucos minutos uma visita de Silvio Santos, acompanhado de sua mulher, dona Iris, ao Templo de Salomão, em São Paulo.
Depois de 17 anos, Silvio e Edir Macedo voltaram a se encontrar. A primeira vez foi em 1998, quando Ratinho se desligou da Record e foi para o SBT. Silvio tomou a iniciativa de ir pessoalmente, numa manhã de domingo, sozinho, à igreja da avenida João Dias, também em São Paulo, para tratar da questão da multa.
 
Ainda recentemente, o próprio Silvio solicitou ao Roberto Cabrini que fizesse uma entrevista com Edir Macedo e, desde aquela oportunidade, foi combinado um encontro entre os dois, alinhavado para a manhã desta segunda-feira por Douglas Tavolaro, vice-presidente de jornalismo da Rede Record.
 
Além do casal Esther e Edir Macedo, a filha deles, Cristiane Cardoso também esteve presente, acompanhada do marido, Renato Cardoso. Esta visita será motivo de uma reportagem do próximo "Domingo Espetacular", feita por Adriana Araújo.
 
O Templo de Salomão vai completar seu primeiro aniversário nesta quarta-feira.
 
*Colaboração José Carlos Nery
Leia mais em: http://zip.net/brrHCZ

Pai de Michael Jackson sofre AVC e é internado em hospital de São Paulo

  • Thiago Duran/AgNews
    Pai de Michael Jackson, Joe Jackson chega ao Brasil para festa de 87 anos
    Pai de Michael Jackson, Joe Jackson chega ao Brasil para festa de 87 anos
O pai do cantor Michael Jakcson, Joe Jackson, foi hospitalizado neste domingo (26) e encontra-se na Unidade de Terapia Intensiva do hospital Albert Einstein, em São Paulo. A informação foi confirmada ao UOL pelo órgão.
Em boletim divulgado por volta da 1h da manhã desta segunda, o hospital informou que o empresário norte-americano foi atendido às 13h55 do domingo com diagnóstico de AVC (Acidente Vascular Cerebral) Isquêmico associado a um quadro de arritmia cardíaca.
O empresário americando chegou ao Brasil, acompanhado da cantora francesa Angelina Stilitti, uma das agenciadas de sua produtora, esta semana, para comemorar seu aniversário de 87 anos. Em seu site oficial, ele publicou fotos em restaurantes de São Paulo e também no estádio Arena Corinthians.
Apesar da ausência de Jackson, a festa, organizada na Casa Golf, zona sul de São Paulo, começou por volta das 20h30 deste domingo. Famosos como Ana Paula Minerato, Geisy Arruda, Pepê e Neném e o grupo musical Fat Family foram fotografados no local.
AVC em 2012
Portador de diabetes, Jackson sofreu um AVC (Acidente Vascular Cerebral) em 2012, em Las Vegas. No mesmo ano, a mãe de Michael Jackson, Katherine, teve um problema de saúde semelhante, mas logo se recuperou.
Leia mais em: http://zip.net/bgrG3J

domingo, 26 de julho de 2015

O PRÍNCIPE VISITOU SÃO JOÃO DEL REI em MG e CACHOEIRA na BAHIA



Visitante ilustre
Dom Bertrand de Orleans e Bragança


Prof. Pedro Borges, Profa. Iolanda Pereira Gomes e o saudoso médico Dr. Vitor Rosas, integrantes do movimento de retorno da Monarquia no Brasil, militantes do Partido Monarquista, trouxeram à Cachoeira, em fevereiro de 1993, Dom Bertrand de Orleans de Bragança, príncipe imperial do Brasil, o segundo na linha de sucessão ao trono, no período da campanha para plebiscito, que incluiu também a opção pela Monarquia, em cujo pleito venceu o atual regime republicano presidencialista. O visitante ilustre e sua comitiva foram recebidos pelos organizadores acima mencionados, na entrada da Ponte Dom Pedro II, em seguida, rumaram a pé para a Câmara Municipal, em  cujo saguão, o Prof. Pedro Borges fez o discurso de saudação ao príncipe. Após o discurso do príncipe, todos se dirigiram à Santa Casa de Misericórdia, onde o herdeiro do Trono Real visitou as instalações do Hospital São João de Deus e assinou o livro de visitantes ilustres, e pôde ver a assinatura do seu trisavô Dom Pedro II, na Ata Imperial, quando de sua visita à Cachoeira, em 1859.